Pesquisa

A pesquisa articulada à assistência e ao ensino desenvolve atividades de geração, difusão e aplicação de novos conhecimentos em ciência e tecnologia, fomentando a criação de subsídios para a formulação de políticas publicas e o constante aperfeiçoamento do Sistema Único de Saúde (SUS).

São aproximadamente 15 diretórios de grupos, com linhas de investigação de diversos campos, desde a pesquisa básica, aplicada e biomédica até as ciências sociais em saúde. Todos esses grupos de pesquisa são certificados pela Fiocruz e pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Cientifico e Tecnológico (CNPq).

A Área de Pesquisa conta com 208 projetos em desenvolvimento; 22 pesquisadores e 108 doutores; seis pedidos de patentes e 17 novos projetos em avaliação para Portfólio de Inovação Tecnológica da Fiocruz. Além disso, anualmente são publicados cerca de 80 artigos.

A estrutura da pesquisa no IFF inclui a Gerência de Projetos e Bolsas, o Comitê de Ética em Pesquisa em Seres Humanos, a Câmara Técnica em Pesquisa, a Unidade de Pesquisa Clínica (UPC), o Núcleo de Inovação Tecnológica (NIT) e o Núcleo de Avaliação de Tecnologias em Saúde (Nats).

A Gerência de Projetos e Bolsas atua na gestão de pesquisa a fim de favorecer e agilizar a capacitação de fomentos destinados à pesquisa e de recursos humanos capazes de formatar, aplicar e desenvolver tecnologias avançadas em saúde. O Comitê de Ética, por sua vez, é responsável por promover o bem estar e preservar os direitos dos indivíduos pesquisados. Já a Câmara Técnica em Pesquisa tem como principal objetivo subsidiar, de forma propositiva, as ações e decisões sobre acompanhamento, supervisão e avaliação das atividades de pesquisa de interesse institucional.

Cadastro de projetos de pesquisa

Informações Adicionais