Educação: Confira como foi a formatura das Residências em Saúde e a Semana de integração dos novos residentes do IFF/Fiocruz

Formatura das Residências em Saúde do IFF/Fiocruz

O Instituto Nacional de Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente Fernandes Figueira (IFF/Fiocruz) realizou, nos dias 17 e 18/2/2020, a formatura das Residências em Saúde. O encontro reuniu famílias e profissionais do Instituto que celebraram a despedida dos residentes, após concluírem a jornada de 24 meses, e agora vão trilhar novos caminhos. No dia 17, as Residências Multiprofissional em Crianças Cronicamente Adoecidas e os Programas de Residência em Enfermagem fizeram sua cerimônia. Os profissionais do IFF/Fiocruz Carlos Roberto Pereira e Adriana Peixoto conduziram a festividade e proferiram palavras de “sorte e felicidade na conclusão desse ciclo”.


Carlos Roberto Pereira e Adriana Peixoto

A coordenadora da Comissão de Residência Multiprofissional, Tânia Barreto, também felicitou os formandos e desejou “sucesso e brilhantismo aos profissionais que egressam na casa”. O coordenador de Atenção à Saúde do Instituto, Antonio Albernaz, leu um trecho enviado pela também coordenadora de Atenção à Saúde, Dolores Vidal, onde a mesma lembrou que “mesmo ausentes, os formandos estarão presentes em nós. Autonomia é saber dependermos uns dos outros”.


Integrantes da mesa de abertura

Houve homenagem as professoras IFF/Fiocruz Maria de Fátima Junqueira-Marinho e Marcelle Campos Araújo, como exemplos de profissionais e seres humanos que sabem acolher os residentes. A cerimônia também contou com a exibição de vídeos mostrando destaques do cotidiano dos residentes no Instituto e fora dele. Com palavras de “Não percam a vontade de fazer a diferença”, a residente Multiprofissional Camila Neves, relembrou bons momentos e alguns desafios enfrentados durante a trajetória.

O coordenador de Educação do IFF/Fiocruz, Antonio Eduardo Vieira dos Santos, desejou aos formandos que “Sejam felizes na arte de fazer saúde”, destacando o papel do Instituto na formação de profissionais para o Sistema Único de Saúde (SUS) e para o cuidado das pessoas. No encerramento, Irene Azevedo da Secretaria Acadêmica do Instituto relembrou que precisou de residentes no cuidado de sua saúde, ao longo de sua trajetória de vida, e abrilhantou o momento cantando “Viver e não ter a vergonha de ser feliz”, música de Gonzaguinha.

Já no dia 18, foi a vez da formatura dos Residentes Médicos de nove especialidades do IFF/Fiocruz. Sob a condução de João Henrique Leme, os residentes apresentaram vídeos, relembraram histórias e viveram momentos de emoção em família, dividindo com os profissionais do Instituto que estiveram com eles ao longo dessa trajetória, sentimento de alívio, felicidade e os desafio superados.

Orgulhos do Instituto, egressos deixam saudade e levam consigo o
sobrenome Fiocruz em suas histórias profissionais e de vida


Semana de integração dos novos residentes em saúde do IFF/Fiocruz

Nos dias 2, 3 e 4 de março de 2020, no Anfiteatro A do Centro de Estudos Olinto de Oliveira (CEOO), ocorreu a Semana de Integração das Residências em Saúde do IFF/Fiocruz. A mesa de abertura contou com a presença da Vice–presidente de Educação, Informação e Comunicação (VPEIC/Fiocruz), Cristiani Vieira Machado, da coordenadora do Fórum de Residências em Saúde (VPEIC/Fiocruz), Adriana Coser, do diretor do IFF/Fiocruz, Fábio Russomano, do coordenador de Educação do IFF/Fiocruz, Antonio Eduardo Vieira dos Santos, do coordenador de Atenção à Saúde do Instituto, Antonio Albernaz, e do diretor do CEOO, Antônio Flávio Meirelles. Foi relembrado o papel do Instituto na Atenção à Mulher, à Criança e ao Adolescente e o quanto o IFF/Fiocruz pode contribuir no processo de formação desses profissionais e vice-versa. Cristiani Machado reforçou o quanto os profissionais que ali atuam na assistência podem marcar e fazer a diferença na vida das famílias, transformando roteiros e compondo histórias.


A Vice-presidente de Educação, Informação e Comunicação (VPEIC/Fiocruz),
Cristiani Vieira Machado

A programação seguiu com conferências de temas transversais: “Reflexões sobre a formação e cuidado - quando trabalhar na saúde não significa adoecer” pela professora da educação permanente do IFF/Fiocruz Paula Cerqueira, seguido de Victor Grabois que abordou a “Segurança nas organizações de saúde e interfaces com as residências em saúde”. Após, os residentes tiveram uma conferência em que Susana Willaume contou sobre a trajetória das residências em saúde no IFF/Fiocruz. Antes do encerramento, os presentes acompanharam palestras sobre temas específicos, como: Diversidade, Controle de Infecção, Vigilância Epidemiológica, Segurança do Paciente, o Brincar e Prevenção de Violência.

Informações Adicionais