Amamentação de gêmeos

Não é segredo a importância de amamentar o bebê exclusivamente com leite materno nos primeiros meses de vida, mas não é raro surgirem muitas dúvidas sobre esse cuidado. Os questionamentos são ainda maiores quando se trata de alimentar gêmeos. Levar os dois recém-nascidos ao peito na mesma hora, além de ser prático, promove um estímulo dobrado na produção do leite. Mas, para que isso seja possível, é importante que a mãe conte com o apoio de profissionais da saúde e/ou da família, buscando posicionar as crianças no seio materno. A pediatra do Banco de Leite Humano do IFF/Fiocruz Alana Benevides Kohn dá algumas dicas importantes na entrevista a seguir.

Como amamentar gêmeos?

É importante que a mulher deixe o bebê esvaziar uma de suas mamas – ou seja, evite alternar o peito na mesma mamada. Isso porque o leite tem várias fases e a última parte é a que tem maior teor de gordura e dá a sensação de saciedade à criança. Os dois bebês precisam receber esse leite. Porém, na mamada seguinte, a mãe deve inverter os lados – o filho que mamou no peito esquerdo mama no direito e vice-versa. Esse rodízio é importante para a criança fortificar os músculos dos dois lados da face.

É possível amamentar os bebês ao mesmo tempo?

Sim. Em geral, a recomendação de amamentar os bebês ao mesmo tempo é muito útil para que a mulher possa ganhar tempo para outras atividades e mesmo para descansar, já que essa prática favorece que as crianças também durmam no mesmo tempo. Para adquirir a habilidade de amamentar mais de um bebê ao mesmo tempo é importante que a mulher tenha, inicialmente, um apoio de profissionais da saúde e/ou da família no sentido de ser ajudada a posicionar as crianças adequadamente no seio materno. Com o decorrer do tempo, fica mais fácil a amamentação simultânea, pois a mulher vai ganhando segurança e consegue fazê-la sem ajuda.

A mulher produz leite suficiente para os dois bebês?

Sim. A produção de leite depende de estímulos: quanto mais você amamenta, mais leite o seu organismo produz. Dessa forma, a mulher que tem mais de um filho produzirá conforme a necessidade de seus bebês.

Se os gêmeos forem prematuros, como prosseguir com a amamentação?

Bebês prematuros podem ter dificuldade para mamar no peito. Se esse for o caso, a opção é tirar o leite para manter o estímulo à amamentação. O leite ordenhado será oferecido aos bebês através de uma sonda enquanto eles estiverem internados. Com essa prática, a mãe mantém a sua produção até que os pequenos consigam se alimentar no seio materno.
Como deve ser a alimentação de uma mulher que esteja amamentando gêmeos?
Ao amamentar gêmeos, o ideal é que a mulher se alimente de seis a oito vezes por dia. Leite, sucos e vitaminas de fruta ajudam a ingerir as proteínas e calorias necessárias. Beba muita água. Faça um acompanhamento com seu médico para saber se há necessidade de ingerir vitaminas para repor algum nutriente.

Como a família pode apoiar nesse processo?

A família pode ajudar essa mulher prestando apoio psicológico, empoderando a mãe sobre a sua capacidade e sobre a importância da amamentação. Também é possível ajudá-la nos afazeres domésticos e nos cuidados diários com os bebês, como o banho e as trocas de fraldas, por exemplo. Esse apoio é fundamental para que a mãe consiga fazer o aleitamento materno exclusivo dos gêmeos.

 

Informações Adicionais